Skip to main content

As estrelas de Londres: Jogadores que brilharam no Chelsea e no Arsenal

Os dois times de londres partilharam algumas das maiores estrelas do futebol inglês

de Rui Sousa

julho 31, 2020

Chelsea e Arsenal. Dois dos maiores símbolos da cidade de Londres e dois gigantes do futebol inglês. Ao longo dos anos, a história de muitos dos melhores jogadores da Inglaterra tem cruzado os destinos dos dois clubes que no sábado irão brigar pela conquista da FA Cup. O gramado de Wembley irá testemunhar algumas desses casos, tal como no passado, quando trocaram a camisa azul pela vermelha (e o contrário).

David Luiz estará no centro da zaga Arsenalista, mas o brasileiro defendeu durante sete temporadas a camisa dos Blues, onde ganhou praticamente tudo que havia para ganhar. Do outro lado, mas bem perto de David Luiz, estará Giroud, que muito provavelmente jogará no ataque do Chelsea. O francês jogou cinco anos com a camisa vermelha e agora terá como missão ajudar os azuis.

Mas ao longo da história, muitos outros nomes de peso dão cor a esta história. Conheça as grandes estrelas que brilharam no Chelsea e no Arsenal.

Ashley Cole

Um dos melhores laterais esquerdos dos últimos tempos do futebol inglês brilhou nos dois clubes de Londres. Ashley Cole.

No Arsenal, Cole era um elemento chave na equipe liderada por Wenger, ao lado de nomes como Henry e Pires. Nos Gunners, fez 228 jogos, marcou nove vezes, venceu duas Premier Leagues e três FA Cups, fazendo parte do time “invencível” ainda hoje inédito na Inglaterra.

Em 2006, no auge da carreira, se mudou para o Chelsea, numa transferência milionária que levou Gallas para o Arsenal. Nos Blues, Cole trabalhou com José Mourinho e se tornou o melhor do mundo na sua posição. Fez 338 jogos, venceu mais uma vez a Premier League e mais quatro FA Cups e encontrou a glória europeia: venceu a Champions e a Liga Europa.

William Gallas

O aguerrido zagueiro francês chegou ao Arsenal no negócio que envolveu Ashley Cole, depois de cinco temporadas em Stamford Bridge. Por lá, venceu duas Premier League, sendo parte da equipe orientada por José Mourinho, que se tornou bicampeã. Foi provavelmente o melhor momento da carreira de Gallas, que no Arsenal curiosamente chegou a vestir a camisa 10, apesar de jogar como zagueiro. Esteve quatro temporadas no Arsenal antes de se transferir a outro grande de Londres, o Tottenham.

Petr Cech

Fez 494 no Chelsea e tornou-se uma verdadeira lenda do clube ao vencer quatro Premier Leagues, uma Liga dos Campeões e uma Europa Liga, batendo inúmeros recordes nessa caminhada. Esteve em Stamford Bridge 11 temporadas e, até hoje, é o goleiro com mais jogos sem sofrer gols na competição: 202.

Em 2015, se mudou para o Arsenal, mas pode dizer que os melhores tempos já tinham ficado para trás. Acabou por perder a titularidade para Bern Leno, o que precipitou a sua aposentadoria.

Fabregas

Começou a jogar no Barcelona, mas foi em Londres que, sob a orientação de Arsene Wenger, Cesc Fabregas foi considerado como craque. Esteve oito temporadas no clube e tornou-se num dos preferidos dos torcedores, antes de voltar ao clube do coração para jogar na primeira equipe: o FC Barcelona.

Fabregas haveria de voltar a Londres, mas para jogar no Chelsea, três temporadas mais tarde e então vieram os grandes títulos, entre os quais, duas Premier Leagues e uma Liga Europa.

Anelka

Anelka chegou ao Arsenal muito novo, com apenas 17 anos, mas demorou um pouco para se tornar um dos jogadores mais entusiasmantes do campeonato. O atacante explosivo marcou 17 gols, logo na segunda temporada no clube e foi campeão (1998). As exibições foram de tal forma impressionantes que chamaram a atenção do Real Madrid, para onde se mudaria três anos depois e onde acabaria por ser infeliz.

Mais tarde, em 2007, e já depois por passagens por PSG, Liverpool, e Manchester City, Anelka viria a jogar no Chelsea, onde voltaria a ganhar a Premier League e a sagrar-se também campeão europeu de clubes.

LEIA AQUI mais artigos sobre futebol

Written By,

de Rui Sousa